RESERVAS FLORESTAIS DE ANGOLA


RESERVAS FLORESTAIS.

1) Reserva Folrestal do Kakongo (Maiombe) / Cabinda
. Área: 650 Km2.
. Localização Geográfica: Junção do meridiano 12 15 com paralelo 4 20.
. Limites:
. Norte: Fronteira com o Congo.
. Leste: Rio Luali.
. Oeste: Rio Inhuca.
. Sul: Confluência do rio Inhuca com o rio Luali.
. Tipos de vegetação: Floresta húmida de nevoeiros , semervirente, proliestrata de baixa altitude, guineense: julbernardia, Gilbertiodendron Tetraberlinia, Libreviliea, etc., (floresta muito rica). Floresta húmida semideecidua, poliestrata de baixa altitude periguineese: Gossweilero Dendron, Oxvstigma, etc.

2) RESERVA FLORESTAL DO BEU / UÍGE
. Área: 1400 Km2.
. Localização Geográfica: Junto do meridiano 15 30 com o paralelo 600.
. Limites:
. Norte: Fronteira com o Zaire.
. Oeste: Rio Teu.
. Sul: Comuna do Beu.
. Tipos de vegetação: Mosaico; floresta densa, ribeirinha muxito, periguineense, em aluvioses, bosques e savan, zambeziaco-guneenses: Marquesia Berlinia, Daniellia, etc.

3) RESERVA FLORESTAL DE CALULAMA / KUANZA-NORTE.
. Área: 800 Km2.
. Localização Geográfica: Junção do meridiano 14 10 com o paralelo 900.
. Limites:
. Norte e Oeste: Rio Zenza.
. Leste e Sul: Rio Calucala.
Tipos de Vegetação: Floresta húmida de nevoeiros, semidecudna, poliestrata, guneense zembeziaca, mnesoplnaltica: floresta Cafeeira, secundariazada: Celtis, Albizia, Morus, Ficus etc. Mosaico de beleodos e savanas: Annomba, Combretum, Piliostigma, Andropogon, Hyparrhenia.

4) RESERVA FLORESTAL DO GOLUNDO-ALTO / CUANZA-NORTE.
. Área: 558 Km2.
. Localização Geográfica: Junção do meridiano 14 30 com o paralelo 900.
. Limites:
. Norte e Leste: Rio Zenza.
. Oeste: Com a reserva do Calucala.
. Sul: Rio Caculama.
. Tipo de vegetação: Floresta húmida de nevoeiros semi-decidua, polieteata guineense zembenziana, mesoplanaltica: floresta cafeeira, secundarizada: Geltis, Morus, Ficus, Albizia, etc., mosaico floresta seca, predominantemente decuda, digitada, e savana seca de baixa altitude: bomax, pterocarpus, Optoleopsis, Adanania, Heteropogon.

5) RESERVA FLORESTAL DO CAMINHO DE FERRO DE MALANGE / MALANGE
. Área: 200 Km2.
. Localização Geográfica: Junção do meridiano 14 30 com o paralelo 1 15.
. Limites:
. Norte: Picada Zenza do Itombe ao Cambondo.
. Oeste: Zenza do Itomba.
. Leste: Picada que sai do Cambondo à estrada do Ndalatando.
. Sul: Linha recta que sai do Zenza do Itombe ao encontro da picada do Cambonda com a estrada de Ndalatando.
. Tipos de vegetação: Mosaico de savana zembenziana e floresta cafeeira: Hiparrhenia, Celtis, Albazia, Morus, Ficus, etc., mosaico de floresta seca, predominantemente decidua, digitada e savana seca de baixa altitude: Bombax, Pteleopsis, Ptercarpus, Adanasia, Heteropogon, h.

6) RESERVA FLORESTAL DE SAMBA-LUCALA / MALANGE
. Área: 400 Km2.
. Localização Geográfica: Junção do meridiano 15 30 com o paralelo 8 55.
. Limites:
. Norte: Rio Kionga.
. Oeste: Rio Kionga.
. Sul e Leste: Rio Camuneia.
. Tipo de vegetação: Mosaicos de balcedos e savanas, mesoplanalticas e sublitorais: Annona, Combretum, Piliostigma, Andropon, Hyparrhenia.

7) RESERVA FLORESTAL DO KIBAXI-PIRI / BENGO.
. Área: 200 Km2.
. Localização Geográfica: Junção do meridiano 14 30 com o paralelo 8 35.
. Limites:
. Norte e Leste: Rio Loma.
. Sul E Oeste: Rio Ocua.
. Tipos de vegetação: Floresta húmida de nevoeiros semi-decidua, poliestrata, guineense-zembeziaca, mesoplastica: Celtis, Albiza, Morus, Ficus, etc.

8) RESERVA FLORESTAL DE KIBINDA / BENGO
. Área: 100 Km2.
. Localização geográfica: Junção com o meridiano 14 75 com o paralelo 7 75.
. Limites:
. Norte: Picada que vai de nova Caipemba ao Kitexe.
. Leste: Rio Loge.
. Oeste: Rio Vamba.
. Sul: Estrada que vai do Kitexe à aldeia vicosa.
. Tipos de vegetação: Floresta húmida de nevoeiros, semi-decidua, poliestrata guineenze-zambeziaca, mesoplanaltica, floresta cafeeira secundarizada, Celtis Albazia Morus Fiocus, etc. Mosaico de savana zambeziaca: Hyparrhenia.

9) RESERVA FLORESTAL DO KAVONGUE / HUAMBO
. Área: 39 Km2.
. Localização Geográfica: Junção do meridiano ao Kuito-Bié.
. Limites:
. Leste: Picada que vai do Kuito-Bié a Gandavira.
. Sul e Oeste: Estrada que vai do Huambo a Gandavira.
. Tipos de vegetação: Miombo, savanas e Ongate, subnontarios: Julbernardia paniculata, Berchystyergia Spiciformis e Brachystegia SPP. ( B. Floribunda, B. Puberula, B. Tamarindoides, etc.

10) RESERVA FLORESTAL ENTRE O CUBAL E A CATUMBELA / BENGUELA
. Área: 600 Km2.
. Localização Geográfica: Junção do meridiano 13 50 com o paralelo 14 20.
. Limites:
. Norte: Kendo e o rio Cavira.
. Leste: Rio Jamba.
. Oeste: Rio Catumbela.
. Sul: Rio Cubal da Hanha.
. Tipos de vegetação. Bosques e savanas de árvores baixas e arbustos: Cochospermum, Terminavia, albizia, Pterocarpus, Combretum, Panicum, Hyparrhynia. Formações estepoides, sublitorais arbustivas e herbosas: Cacaia, Camiphora, Colophospermm, Schmidtidia, Setaria.

11) RESERVA FLORESTAL DO CHONGOROI / BENGUELA
. Área: 650 Km2.
. Localização Geográfica: Junção do meridiano 13 50 com o paralelo 13 30.
. Limites:
. Norte e Oeste: Tchialaviavi e os rios Morjombue e Hanja.
. Leste: Rio Chongoroi e a estrada Chongoroi e Cutembo.
. Sul: Linha recta Cutembo até ao rio Hanja.
. Tipos de vegetação: Bosque seco, deciduo e mosaico de savana e estepe: Colosphospermum Mopane, Bosque e savana de árvores baixas, arbustos: Cocholspermum, Terminala, Albizia, Ptercarpus, Combertum, Hyparrhenia, Panicum.

12) RESERVA FLORESTAL DO CATUPE / MOXICO
. Área: 150 Km2.
. Localização Geográfica: Junção do meridiano 23 00 com o paralelo 12 50.
. Limites:
. Norte: Rios Lue e Luce.
. Oeste: Rio Lue.
. Leste: Rio Condoge.
. Sul: Rio Lodoge.
. Tipos de vegetação: Miombo mediano ou alto, de 10-25 m com bosque de Brachvstegia Spiciformis Var-Latiliata, Julbernardia Paniculata e b.x. Jongifolia (abundante) e por vezes com povoamentos de Guibourtia, Marquesia ou Cryptcsepalum.

13) RESERVA FLORESTAL DO LUENA / MOXICO
. Área: 1800 Km2.
. Localização Geográfica: Junção do meridiano 20 30 com o paralelo 1200.
. Limites:
. Norte: Rio Luena.
. Oeste: Rio Luena.
. Leste: Rio Canage.
. Sul: Estrada que vai do Luena ao rio Cange.
. Tipos de vegetação: Mosaico de savana herbosas ou com arbustos bosques e floresta densa seca: Brachystegia bakerana, Burkea, Pardo dos planaltos arenosos com dranagem deficiente: Loudetia.

14) RESERVA FLORESTAL DO LUCUSSE / MOXICO
. Área: 2450 Km2.
. Localização Geográfica: Junção do meridiano 20 45 com o paralelo 12 40.
. Limites:
. Norte: Rio Luchibe.
. Oeste: Rio Cuelo.
. Leste: Rio Mulondoia.
. Sul: Rio Lunge-Bumgo.
. Tipos de vegetação. Mosaico de savanas herbosas ou com arbustos, bosques e floresta densa seca: Brachystegia bakerana, eurkea Africana, mosaico de savanas, com ou sem árvores e arbustos, e bosques seca semi-deriduos: Baikiaea, Gubourtia, Riconodendron, - Parado dos planaltos arenosos com dranagem dificientes: coudetela, etc.

15) RESERVA FLORESTAL DO CASSAI / MOXICO
.Área: 190 km2.
.Localização Geográfica: Junção do meridiano 19 30 com o paralelo 1200.
.Limites:
.Norte: Rio Cassai.
.Oeste: Rio Lue.
.Sul e Leste: Rio Munhango.
.Tipos de Vegetação: Miombo mediano ou alto de 10-25 m com bosque de Brachystegia spiciformis Var Latifoltata, Julbernardia Paniculata e B-X Longifolia (abundante) e por vezes com povaomento de Guibourita, Marquesia ou Chyrtosepalum – mosaico de savas herbosas com arbustos, bosques e floresta densa seca: Brachystegia, burkea Africana.


16) RESERVA FLORESTAL DO MACONDO / MOXICO
.Área: 750 Km2. .Localização Geográfica: Junção com meridiano 24 00 com o paralelo 12 15.
.Limites:
.Norte e Oeste: Rio Mayinga.
.Leste: Fronteira com a Zambia e os rios Camulele e Muanamouze.
.Sul: Rio Milla.
.Tipos de vegetação: Floresta seca densa, sempervirente: Erytosepalum Exfoliatum Subsp, Pseudotaxus, miombo mediano ou alto de 10-25 m, com bosque de Brachvstegia Spiciforms Var, Latifoliata, Julbernardia Paniculata e B.X. Longifolia (abundante) e, por vezes compovoamento de Guibourtia, Marquesia ou Cryptosepalum, miombo mediano continental: Brachystegia Spiciforms, B. Floribunda, B. (utilis).


17) RESERVA FLORESTAL DO LUISAVO / MOXICO.
.Área: 400 Km2. .Localização Geográfica: Junção com meridiano 23 50 com o paralelo 11 45.
.Limites:
.Norte: Rio Mudilege.
.Leste: Rio Luisavo e fronteira com a Zambia
.Sul e Oeste: Rio Lucaia.
.Tipos de vegetação: Miombo mediano ou alto de 10-25 m, com bosque de Brachvstegia B.X. Longifolia (abundante) e, por vezes com miombo mediano do planalto continental, Brachystegia Spiciforms, B. Floribunda.


.18) RESERVA FLORESTAL DO GUELENGUE E DONGO / HUÍLA.
.Área: 1200 Km2.
.Localização Geográfica: Junção com meridiano 1500 com o paralelo 14 30.
.Limites:
.Norte: Rio Chicusse
.Leste: Rios Chissanda e Cusso.
.Oeste: Rio Cunene
.Sul: Rio Cussava.
.Tipos de vegetação: Miombo, savanas e engate subountanos, Julbernardia Paniculata , Brachystegia Spiciforms e Brachvstegia SPP. (B. Floribunda, B. Puberula, B. Tamarindoides, etc.) Miombo ralo e savana dos dedives mesoplasticos: com abundância de Brachystegia Cossweileri.


19) RESERVA FLORESTAL DA UMPULO / BIÉ.
.Área: 4500 Km2.
.Localização Geográfica: Junção com meridiano 18 00 com o paralelo 13 00
.Limites:
.Norte: Rio Cuine.
.Leste: Rio Chimbandianga.
.Oeste: Rio Cuanza.
.Sul: Rio Chimandianga.
.Tipos de vegetação: Miombo mediano ou alto de 10-25 m, com bosques de Brachystegia Spiciformis Var. Latifoliata, com povoamento de Guibourdia Marquesa ou Cryptosepalum. Ademais temos a considerar as Coutadas Oficiais de Caça, criadas com o fim de fomentar o turismo. Com a superfície total de 87.640 Km2 são os seguintes:

a) Coutada do Ambriz / Bengo.
.Área: 3240 Km2.
.Criada em 27-08-1958.
. Limites:
.Norte: Estrada do Ambriz e Bembe, rio Lage até junto do antigo povo da Mulemba.
.Leste: Estrada de Ambriz a Nambuangongo, picada que segue para o antigo povo Uezo, até aos rios Onzeo e Quissama.
.Oeste: Limites este e norte da Fazenda Tabi, estrada Luanda ao Ambriz até ao aerodromo, estradas do Ambriz para Ambrizete e o Bembe.
.Sul: Ao rios Onzo e Quissama até ao limite Este da Fazenda Tabi.

b) Coutada pública do Mucosso / Kuando-Kubango
.Área: 25.000 Km2.
.Criada em 15-07-1959.
.Limites:
.Norte: Rios Chipuxi, Cucho, Lumunha, Luengue, Luiana até fronteira.
.Sul: Picada da fronteira até à foz do Rio Cuito.
.Oeste: Rio Cuito até à foz do rio Chipuxi.

.c) Coutada pública do Luiana / Kuando-Kubango.
.Área: 13.950 Km2.
.Criada em 15-07-1959.
.Limites:
.Norte: Rios Namomo, Cabembe, Cubia até à estrada Mavinga- Luiana.
.Leste: Estrada Mavinga-Luiana, rio Cuando até a fronteira.
.Sul: Linha de fronteira desde o rio Cuando até ao encontro da picada Luiana-Mucusso.
.Oeste: Picada Mucusso-Luiana, rios Luiana, Utembo, Matundo, Capemde ao rio Namomo.

d) Coutada pública do Luengue / Kuando-Kubango
.Área: 16.700 Km2.
.Criada em 15-07-1959.
.Limites:
.Norte: Linha recta que une os rios Longa e Cuito, nascente do rio Uamenha, rio Chocueca, linha recta que une esta confluência à nascente do rio Candombe.
.Leste: Rio candombe até ao rio Luiana.
.Sul: Rios Luengue, Lumuna, Cucho, Chipuxi até à foz.
.Oeste: Rios Cuito, Chipuxi até ao rio Longa.

e) Coutada pública de Longa-Mavinga / Kuando-Kubango
.Área: 28.750 Km2.
.Criada em 06-07-1960.


.Limites:
.Norte: Estrada Longa e Cuito Cuanavala, rumo ao sul até aos Cuma, Lomba, estrada Dina Mavinga, Rios Matundo até ao rio Capembe.
.Leste: Rios Matundo, Capembe, Luacundo, Utembo até ao rio Luiana.
.Sul: Rios Candombe Luiana Uamenha, Chocue, Longa e Cuito.
.Oeste: Rio Longa desde a sua confluência com o rio Cuito até à povoação do Longa.

Em qualquer dos Parques ou Reserva para além do potencial turístico em fauna, existe uma flora que tem um valor no quadro do equilíbrio do ecossistema, num valor estético, e tem igualmente um enorme valor medicinal que, caso fosse bem conhecido, seria certamente motivo para um grande interesse turístico.

A actual situação de todas áreas de protecção da natureza do País, exige acções urgentes e enérgicas por forma a debelar a sua degradação e evitar que alguns casos só reste a recordação.

Importa referir que, a par do estabelecimento de medidas de protecção às espécies da fauna e da flora de determinadas áreas deve assegurar-se que medidas dirigidas à protecção da natureza sejam assumidas por todo o território nacional, evitando que “ilhas protegidas” se envolvam cada vez mais por zonas de verdadeira agressão à natureza. Se assim for, não tardará o dia em que as “ilhas” irão sucumbir ao avanço dos agressores.

As áreas protegidas formam um sistema que interage em certa medida, com o todo nacional e só uma política ambiental global poderá em última instância defender aqueles espaços privilegiados da natureza.

No quadro de 1992 realizaram-se as Jornadas Nacionais de Reflexão sobre os Parques de Reservas, que avaliaram o estado actual dos mesmos e perspectivaram um conjunto de actividades.

A preocupação de iniciar uma recuperação dos Parques e Reservas levou ainda o MINADER a concluir, com a ajuda da Comunidade Europeia, os Projectos de Recuperação e Conservação dos Parques Nacionais da Quissama, Bikuar, Mupa, Iona e Reserva Parcial do Namibe. Os valores da recuperação destas áreas estão calculados acima dos15 milhões de Euros. Enquanto não se iniciar a recuperação preconizada pelos projectos, a acção tem sido, reinstalar a administração e a guarda dos Parques, e impedir que uma maior degradação torne mais difícil a recuperação.

Gostou? Compartilhe:

0 comentários:

Posts Relacionados

CityGlobe